Outubro Rosa: Origem e significado

outubro rosa

Falar sobre formas de prevenção do câncer de mama é sempre necessário. No entanto, a proposta do Outubro Rosa é exatamente essa: chamar a atenção para essa causa, o que pode evitar que mais pessoas sejam vítimas de uma das doenças que mais matam no Brasil, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA). O movimento surgiu na década de 90 através de uma influente organização não governamental americana. Sempre em outubros, os eventos começaram a se espalhar, assim como a cor que marcava sua divulgação: o rosa.

Ao longo do tempo, o movimento ganhou força em outras entidades, assim como a cor começou a aparecer em mais lugares, seja com o laço característico da campanha, seja marcado na iluminação de monumentos públicos. E foi dessa forma que o rosa como símbolo da prevenção do câncer de mama chegou ao Brasil. Desde a década de 2000 até hoje, inúmeros prédios, estátuas, pontes e outros monumentos começaram a ganhar a cor rosa através de luzes projetadas durante o mês de outubro, inclusive o Cristo Redentor.

O que o Outubro Rosa defende?

Qualquer entidade pode abraçar essa causa, portanto, o foco pode variar, mas o mais comum são campanhas que ressaltam a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama. Explicações sobre como realizar o autoexame, o lembrete sempre válido e necessário de se fazer exames preventivos regulares e ainda a importância do diagnóstico e do tratamento em fase inicial, que garantem grandes taxas de cura. 

O outubro rosa é uma ação coletiva que está aberta a receber apoios de qualquer pessoa, empresa ou entidade, por isso, é importante ter conhecimento sobre o assunto, principalmente vindo de fontes confiáveis. Entre as pautas defendidas durante o outubro rosa, está justamente a importância de se evitar a propagação de notícias falsas sobre o tema. Entre elas, curas milagrosas para o câncer como alimentos e remédios, mas sem comprovação científica e, ainda, teorias da conspiração sobre a indústria.

Como participar da campanha?

Qualquer um pode fazer parte do Outubro Rosa de diversas maneiras. Uma delas é aderir à cor que simboliza o movimento. O rosa pode estar presente nas comunicações, nos uniformes, nas mídias digitais ou ainda em detalhes de produtos. Empresas podem abrir espaços de discussão junto com os funcionários, ou promover e ser parceiro de iniciativas que levem informações para a população em geral. Falar sobre o câncer de mama e sobre a importância das medidas de prevenção é um ato coletivo que pode salvar vidas.

Prevenção do câncer de mama

O Outubro Rosa é o marco de um mês que faz o assunto ser relembrado e atualizado. Porém, o câncer é um problema que atinge milhões de pessoas em qualquer mês. Falar sobre o câncer de mama em outubro é importante, mas não devem ficar cerceadas a um único mês é fundamental. Os hábitos de prevenção ao câncer de mama, por exemplo, podem trazer inúmeros outros benefícios e qualidade de vida:

  • Práticas regulares de exercícios físicos;
  • Alimentação balanceada e rica em antioxidantes;
  • Realização de exames preventivos regulares;
  • Evitar cigarros e o consumo excessivo de bebidas alcóolicas.

Mais do que uma data para falar sobre dicas e comportamentos exemplares, o outubro rosa pode ser usado como estopim para mudanças reais na qualidade de vida de qualquer grupo de pessoas, independentemente do mês ou do gênero. E ainda, falar sobre hábitos saudáveis e promover atitudes que contribuam com a qualidade de vida é essencial para qualquer entidade, empresa ou pessoa que se proponha a abraçar causas.

O que significa o laço rosa?

O laço rosa, que marca a campanha, nos lembra da importância de se criar vínculos entre pessoas que têm uma causa em comum. Com a união, cada um de nós pode ser parte nessa luta que é combater a desinformação, os maus hábitos de vida, as substâncias tóxicas e todos os cenários que facilitam o surgimento e o diagnóstico tardio do câncer de mama. Esse símbolo surgiu junto com a entidade americana que deu origem ao Outubro Rosa, mas hoje já está presente em muitos lugares independentes, e é mais uma forma de remeter à importância da campanha.

Prevenção, diagnóstico e tratamento andam juntos Mesmo com hábitos saudáveis, uma pessoa pode desenvolver o câncer de mama. Por isso, outro dos elementos mobilizados pelas campanhas durante o Outubro Rosa é o do diagnóstico precoce. Quanto mais cedo o tratamento começar, maiores as chances de cura. No início, o câncer de mama é quase silencioso. No máximo, um pequeno nódulo pode ser notado. Às vezes, nem isso. Exames de imagem regulares são tão necessários quanto o autoexame nessa luta pelo diagnóstico o mais cedo possível. Assim, origem e significado do outubro rosa se complementam: cuidado e prevenção são essenciais.

Para mais conteúdos como esse, acesse nosso blog e confira!

Leia Mais

Open chat
Olá, podemos ajudar?